Pega leve! Postagem para pessoas mais jovens.

O que falar sobre a expressão "pega leve"? Bem... muitas coisas. Ao longo dos dias, meses e anos de convivência e prática na Família Kung Fu, alguns eventos ganham uma mudança de significado. Eu estou falando não necessariamente de grandes eventos como cerimônias tradicionais. Vou explicar. E essa explicação estará dedicada para praticantes mais novos (dependendo do espaço e da referência).

Inicialmente, o novo praticante no Ving Tsun entra em um espaço e em um ambiente inesperado. Como se isso já não bastasse, algumas propostas irão bagunçar ou divergir de conceitos como sala de aula, ensino e aprendizado como nós ouvimos no senso comum. Não seria estranho se esse ambiente for desconfortável em um primeiro momento.

Si Gung Leo Imamura, Si Fu Julio Camacho and others members from Great Moy Yay Sang Clan and Moy Jo Lei Ou Clan.
Com o passar do tempo, novos personagens emergem: Si Fu, Si Hing, Si Suk, Si Daai, Si Jeh, Si Gung, Tutor, etc. O que fazer para ser aceito nesse novo ambiente?! Oh! Seria tão mais fácil se só existissem professores e alunos! Algumas pessoas lidam bem com essas novas classificações e personagens, mas alguns outros, pelo menos por algum tempo, não.

Paguem leve, pessoas jovens no ambiente familiar! Não busquem aprovação das pessoas antigas. Na cultura chinesa, o parâmetro para as ações dos sujeitos não são o modelo, ao invés disso é o desenvolvimento da situação. Portanto, não existe a coisa errada ou a coisa certa a se fazer nos momentos de prática.

O pensamento clássico chinês faz dos novos membros livres de muito sofrimento. Ele faz todas as ações possíveis para o novo praticante! Por quê? Pois eles estão aprendendo e lendo um ambiente desconhecido. No caso da pratica do dia a dia no Mo Gun, a responsabilidade para fornecer um ambiente apropriado para expressões e aprendizados dos membros mais novos é do Tutor responsável pela prática, e em última instância, do membro mais velho no espaço. É uma gerontocracia?! Não! É porque o membro mais antigo presente é o sujeito mais experiente no Mo Lan. Experiência, em regra, traz sabedoria.

A família kung fu reconhece, na maioria das situações, que o membro mais antigo é o mais capaz de promover experiências para os praticantes mais novos, incluindo o Tutor responsável pela prática, se não for ele próprio.

Alice com sua sinceridade característica revela o núcleo do conceito de Sam Fat. Seu modo de agir nas práticas de quinta-feira foram a inspiração para a construção dessa postagem. Dica para Alice: não se deixe abater. Com o tempo as coisas vão ficando mais leves.
Pense comigo: se você é o irmão ou irmã mais nova no Mo Gun, você é o membro da família kung fu que estará recebendo mais atenção dos outros. Em outras palavras, sua preocupação principal deve ser aprender o máximo que puder, e ser o mais sincero possível em suas palavras e movimentos. Mas essa formulação muda um pouco se existem praticantes mais novos que você.

Se você esta vendo alguma coisa errada ou estranha com as propostas de algum irmão ou irmã kung fu mais antigo, a primeira vista isso é bom, mas mantenha esse pensamento e espere pelo apropriado para colocá-lo. O momento apropriado é a chave para "pegar leve", para não ficar cansado rápido. Uma boa coisa em um momento errado para essa coisa é uma coisa ruim. Uma coisa ruim em um bom momento para essa coisa pode ser uma boa coisa! Essa frase carrega muitas contradições, mas ela é satisfatória para esse momento e para fechar essa tópico.


Sem comentários:

Enviar um comentário